Notícias de Educação - 22/setembro/2017

Receba gratuitamente as notícias por e-mail, AQUI


Sala de aula

Professor cria jogos para ajudar no aprendizado de literatura

Atrair a atenção dos estudantes é dos muitos desafios enfrentados por professores, todos os dias. Foi buscando alternativas que despertassem o interesse em sala de aula que o professor de língua portuguesa, literatura e cultura do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG), Rodrigo Alves, passou a desenvolver jogos para serem utilizados como atividades de fixação e revisão de conteúdos.

MEC

5 motivos para usar games na aula de Matemática

Sempre defendi com meus alunos que o ensino de Matemática ocorresse de forma lúdica, internalizando o conhecimento para construí-lo de forma significativa e envolvente. Nessa perspectiva, encontrei nos games digitais, um importante aliado para fomentar o trabalho docente em sala de aula. Os jogos permitem a criação de contextos de aprendizagem e trazem uma série de ganhos em relação a métodos tradicionais.

Nova Escola

O que é e quais os tipos de avaliação da aprendizagem?

Atualmente a avaliação vem sendo um tema muito discutido e polêmico entre educadores, e muitas vezes esquecido o seu real significado. Quando discutimos o termo “avaliar”, logo associamos com a realização de provas, atribuição de notas e até mesmo reprovar ou aprovar um aluno, mas o conceito de avaliação de aprendizagem é bem mais amplo.

Canal do Ensino

Educação ambiental fortalece consciência sustentável em estudantes da rede pública

Pás e adubos nas mãos. É assim que os estudantes da Escola da Natureza, em Brasília, e da Escola Parque da Natureza, em Brazlândia (DF), aprendem sobre a importância de preservar o meio ambiente. Nesta quinta-feira, 21, comemora-se o Dia da Árvore, e as atividades que os alunos dessas escolas desenvolvem vêm ao encontro da importância de conscientizar a população a respeito da conservação desse símbolo da natureza, que produz oxigênio, reduz a temperatura da terra, fornece sombra e diversos outros benefícios.

MEC

Gestão

MS: Governo nega terceirização de escolas e fim de concursos na educação

O governo estadual, por meio da SED (Secretaria de Estado de Educação), rebateu a afirmação do deputado Amarildo Cruz (PT), que questionava uma possível terceirização na educação em Mato Grosso do Sul, e explicou que apenas visa regulamentar o cadastro de instituições que recebem repasses ou cedências da pasta.

Midiamax

Inclusão

Todos Pela Inclusão: projeto incentiva o protagonismo de estudantes com deficiência

Que tal uma roda de capoeira adaptada para alunos com deficiência? Essa foi a ideia do estudante Fernando de Melo, 17 anos, que tem deficiência física e intelectual. Com a ajuda da professora de Educação Especial Elisângela Felix Santana, 39 anos, ele levou à Escola Municipal Antônio Heráclio do Rêgo, em Recife (PE), uma proposta inclusiva por meio de uma representação cultural – a capoeira. A unidade foi uma das beneficiadas, em 2016, pelo projeto Portas Abertas para a Inclusão – Educação Física Inclusiva , uma parceria formada em 2012 entre o Instituto Rodrigo Mendes, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e a Fundação FC Barcelona (FCB).

O Estado de São Paulo

É possível incluir? Quatro escolas mostram que sim!

Sem dúvidas, a questão da inclusão escolar deve ser avaliada sob a ótica da política pública. É necessário um compromisso do Estado para que as unidades escolares disponham dos recursos necessários para ofertar uma educação em condição de igualdade para todos. Ainda assim, algumas escolas já vêm desenvolvendo trabalhos significativos nesse sentido, promovendo a releitura de seus espaços e práticas para que as ações pedagógicas se deem com base na diversidade humana e, portanto, deem conta das especifidades de cada indivíduo.

Carta Educação

Ministério da Educação desenvolve série de ações e programas voltados a pessoas com deficiência

Os desafios e conquistas das pessoas com deficiência são marcados no calendário nesta quinta-feira, 21, quando se celebra o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência. Garantir acesso a direitos como educação é tarefa constante que precisa ser observada não apenas nessa data. Por isso, o Ministério da Educação tem desenvolvido uma série de ações na área, que vão desde mudanças na estrutura de seleções – a exemplo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) – a políticas que asseguram a permanência em sala de aula.

MEC

Universidades brasileiras matricularam cerca de 70 refugiados em menos de um ano, diz Acnur

No mundo todo, um refugiado tem 36 vezes menos chance de ingressar no ensino superior do que alguém que não está em situação de refúgio. E somente 1% dos refugiados chega à faculdade; no Brasil nove instituições oferecem programas específicos para facilitar o acesso desses alunos.

G1

Leis e políticas

STF tem 5 a 3 a favor do ensino religioso confessional em escolas públicas

O ensino confessional e o interconfessional (a partir do ponto de vista uma religião específica ou de diversas crenças, respectivamente), serão banidos caso a maioria do tribunal concorde com os argumentos da Procuradoria-Geral da República, que apresentou a ação. Restaria apenas a modalidade secular, com a religião apresentada sob o ponto de vista da filosofia ou sociologia. Nesta quinta-feira, três ministros votaram: todos discordaram do Ministério Público e defenderam que as crenças podem estar representadas em sala.

Gazeta do Povo

STF suspende julgamento com 5 votos a 3 por aulas de uma só religião

Uol

Proposta retira de Paulo Freire o título de patrono da educação brasileira

Patrono oficial da educação brasileira, Paulo Freire pode deixar de sê-lo – se uma ideia legislativa apresentada no site do Senado prosperar. A proposta revogaria a lei 12.612, de 2012, aprovada pelo governo e sancionada por Dilma Rousseff. São necessárias 20 mil assinaturas para que o tema seja debatido no Senado. Até a publicação desta reportagem, eram menos de 8 mil.

Gazeta do Povo

Educação de Jovens e Adultos

Encceja terá custo de R$ 91,9 milhões, diz Inep

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos para residentes no Brasil (Encceja) terá custo de R$ 91.911.110,57. A informação foi divulgada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) nesta quinta-feira (21). Exame serve para obtenção de diploma da educação. Há 1,5 milhão de brasileiros inscritos para a prova que será aplicada em 19 de novembro.

G1

Ensino Superior

Governo diz que mudanças no Fies garantirão sustentabilidade do programa

As mudanças propostas pelo governo no Financiamento Estudantil (Fies) são fundamentais para garantir a sustentabilidade fiscal do programa e evitar sua descontinuidade. A avaliação é do subsecretário de Governança Fiscal e Regulação de Loteria do Ministério da Fazenda, Alexandre Manoel Ângelo da Silva, que participou hoje (20) de audiência pública na comissão mista do Congresso Nacional que analisa a Medida Provisória 785/2017, que modifica as regras do fundo.

Estudo Prático

Profissionais da Educação

Formação é calcanhar de Aquiles dos professores de matemática do Brasil

A formação de professores é o calcanhar de Aquiles da nossa educação básica. O professor é elemento crucial da cadeia educativa e, no entanto, a formação oferecida na maior parte das nossas licenciaturas em matemática é totalmente inadequada, além de obsoleta. No Brasil, a esmagadora maioria dos licenciados da área é egressa de faculdades particulares com controles de qualidade duvidosos. Muitas dessas instituições não têm jeito, precisam ser fechadas. Para outras, um efetivo controle por parte das autoridades poderia fazer uma grande diferença. Mas nossas melhores universidades públicas também não estão isentas de críticas.

Folha de São Paulo

Escolas públicas funcionam em meio período e Educação faz reivindicações em Petrópolis, no RJ

Os servidores da Educação de Petrópolis, na Região Serrana do Rio, continuam nesta quinta-feira (21) com a meia paralisação de 72 horas reivindicando redução da jornada de trabalho de 40 para 30 horas, reajuste salarial e implementação de 1/3 do tempo para planejamento de aulas para os professores, além de pagamento do dissídio da categoria de janeiro do ano passado e 2017.

G1